Pesquisar no site



As averbações são alterações posteriores ao registro, realizadas, em regra, mediante a apresentação de mandado judicial ou de escritura pública ao Cartório onde consta o respectivo registro.

 

São exemplos de averbações:

 

 

- separação ou divórcio no registro de casamento;

- reconhecimento de filho no registro de nascimento;

- emancipação no registro de nascimento;

- interdição no registro de nascimento ou de casamento;

- etc.

 

Para a averbação de divórcio realizado por escritura pública ou por sentença, a parte interessada (ex-cônjuge) ou o advogado deverá comparecer ao Cartório e apresentar a escritura em sua via original ou o mandado judicial.